Fixo (11) 4611 5166 - Whatsapp e Vivo (11) 9 5050 7673 contato@gruporecuperar.com

Tratamento Para Dependentes Químicos

Possuímos unidades especializadas para o tratamento de dependentes químicos e alcoolismo localizadas próximas a capital de São Paulo. São Clínicas de recuperação e comunidades terapêuticas com metodologia  qualificada e profissionais específicos no tratamento para dependentes químicos e alcoolismo,  unidades para homens e mulheres. Baixo custo e alto padrão, consultem.

Dependência Química

           É o uso de substancias psicoativas, ou seja, utilizar qualquer tipo de droga que altere a percepção e o comportamento, acabando por causar um vício onde a pessoa não consegue mais parar com o uso desta substancia por conta própria. Na maioria dos casos as substancias são: álcool, crack, maconha, cocaína, medicamentos para emagrecer à base de anfetaminas, calmantes indutores de dependência ou medicamentos “faixa preta” etc. A dependência se caracteriza quando o indivíduo sente que a droga é algo extremamente necessária em sua vida, e as demais coisas ficam em segundo plano.

É importante saber que o Álcool é uma droga poderosa e tem efeitos devastadores, e que pelo fato de ser algo legal não deixa de ser prejudicial como qualquer outro tipo de droga.

DOENÇA:

A OMS (Organização Mundial de Saúde) reconhece as dependências químicas como doenças. A doença é encontrada no CID e no DSM. Por definição, como o diabete ou a pressão alta, a doença da dependência não é culpa do dependente; o paciente somente pode ser responsabilizado por não querer o tratamento, se for o caso. Exatamente da mesma maneira que poderíamos cobrar o diabético ou o cardíaco de não querer tomar os medicamentos prescritos ou seguir a dieta necessária. Dependência química não é simplesmente “falta de vergonha na cara” ou um problema moral. Existe uma frase em grupos anônimos que diz: “Não somos responsáveis pela nossa doença mas somos responsáveis pela nossa recuperação”.

AS CAUSAS E CONSEQUÊNCIAS:

Não existe uma característica única para as causas das dependências químicas, são produto de vários fatores que na maioria das vezes atuam ao mesmo tempo, sendo que, às vezes, uns são mais predominantes em um paciente do que em outros. Na grande maioria das vezes existem várias causas. Um exemplo é a predisposição física e emocional para a dependência, própria do indivíduo. As consequências da dependência são inúmeras, problemas sociais, familiares, sexuais, profissionais, emocionais, religiosos etc., lembrando que isso são consequências da doença e não causas.

UMA DOENÇA PROGRESSIVA:

O individuo sem um tratamento para dependência química  adequado, a tendencia é que a situação piore cada vez mais com o passar do tempo, bem como suas consequências, essas consequências são inúmeras e todas desagraveis para o dependente, família e pessoas ao seu redor.

UMA DOENÇA CRÔNICA INCURÁVEL:

O dependente químico no uso ou em recuperação sempre será um dependente. Não existe cura para a dependência: nunca o paciente conseguirá controlar seu uso. Como o diabete, não existe cura: sempre será diabético ou dependente. Porem o dependente poderá estabilizar a doença, não mais fazendo uso de substancias que altere o seu comportamento e o seu humor.

UMA DOENÇA FAMILIAR:

O convívio com o dependente faz com que a família adoeça emocionalmente, sendo necessário que a família busque um tratamento, onde irá receber orientações de como lidar com seus sentimentos em relação ao dependente. As famílias ficam assustadas quando falamos que é necessário um tratamento familiar, mas nossa experiência no diz que sempre existiu consequência relacionadas a família e o dependente. Quanto antes a família entender a problemática da dependência menor será o sofrimento. Entre em contato conosco e saiba um pouco mais sobre o tratamento para dependentes químicos e alcoolismo.

GRUPO RECUPERAR

FONES: (11) 4611 5166

WHATSAPP / VIVO: (11) 9 5050 7673

Contato

tratamento para dependência química

tratamento para dependentes químicos